Neste mês de julho, as indicações culturais foram feitas pelos defensores públicos Fernando Redede e Juliano Marold.

Série: Mother
Diretor: Kim Cheol-kyu

A série sul-coreana é centrada no drama de uma professora temporária, de uma escola de ensino fundamental, que decide cuidar de uma aluna que sofre violência da mãe. Ao longo dos episódios, outras tramas aparecem e mostram os efeitos individuais causados pela relação mãe e filha. Mother foi lançada em 2018 e está disponível na plataforma Rakuten Viki.

“A série trabalha com a temática da violência contra criança e dos sentimentos que ela provoca nos adultos. A partir da atenção evocada da professora, o enredo vai revelando os dramas individuais dos adultos, cuidadores e agressores, e como eles se entrelaçam com a história da criança. Com cenas e diálogos de uma beleza única e com um ritmo envolvente, é uma série obrigatória para quem gosta de refletir sobre a temática da violência infantil, maternidade e transgeracionalidade”, explicou Fernando.

Série: Seinfeld
Diretores: Larry David e Jerry Seinfeld

A série de humor, que estreou em 1989, tem como enredo a vida do comediante americano Jerry Seinfeld. Os episódios relatam os dramas cotidianos vividos na cidade de Nova York pelo personagem principal e seus três melhores amigos.

“É uma série muito engraçada e atemporal. Os personagens com características bem peculiares, baseados em pessoas reais, são solteiros na faixa dos 30 anos que passam por diversos relacionamentos e vivem situações cotidianas fáceis de se imaginar. Vale muito a pena”, ressaltou Juliano.