O Nufurb (Núcleo Itinerante das Questões Fundiárias e Urbanísticas), coordenado pela defensora pública Olenka Lins, conseguiu uma liminar do Tribunal de Justiça que suspendeu uma ordem de reintegração de posse. A decisão beneficiou 117 famílias da ocupação Portal da Foz, em Foz do Iguaçu, no Paraná.

O caso chegou até a Defensoria Pública do Paraná através do portal de notícias H2Foz, que entrou em contato com o defensor público João Vitor Rozatti Longhi e relatou a situação.

“Depois que o portal H2Foz me procurou, conseguimos descobrir os números dos processos, passei tudo imediatamente para o núcleo da Defensoria Pública e a dra. Olenka prontamente entrou no caso”, explicou João.

“A decisão liminar do Tribunal de Justiça é prudente e justa, sobretudo, neste momento em que o direito à moradia reflete o próprio direito à saúde e à vida, uma vez que o isolamento social é recomendação mundial”, destacou Olenka em entrevista ao portal H2Foz.