Até o momento, 27 Defensores e Defensoras do Paraná estão inscritos para participar do XIV Conadep (Congresso Nacional das Defensoras e Defensores Públicos). O evento acontece entre os dias 12 e 15 de novembro, no Rio de Janeiro.

Durante quatro dias, serão realizadas atividades, palestras e apresentações de teses e práticas exitosas. O objetivo do congresso é continuar promovendo a troca de ideias e experiências entre Defensoras e Defensores de todo o país.

A participação do Paraná será reforçada pela presença do Defensor André Giamberardino e das Defensoras Cinthia Azevedo e Olenka Lins. É que os três Defensores do Estado vão ter participação especial durante o Conadep, presidindo mesa, apresentando trabalho e integrando sessões.

Paraná no XIV Conadep

No dia 12 de novembro, a Defensora e coordenadora do Nufurb (Núcleo Itinerante das Questões Fundiárias e Urbanísticas) da DPPR, Olenka Lins, participa de uma reunião da Comissão de Mobilidade Urbana, Moradia e Questões Fundiárias da Anadep (Associação Nacional das Defensoras e Defensores Públicos).

No dia 14 de novembro, Olenka preside a mesa do painel “Desafios do modelo econômico e da(s) política(s) anti-direitos: O papel da Defensoria Pública”. No mesmo dia, ela ainda apresenta a prática exitosa sobre o projeto “Jovem Defensor”, desenvolvido em parceria com o Colégio Estadual do Paraná.

“A participação nestes eventos é de suma importância para a Defensoria Pública do Paraná, uma vez que proporciona mais visibilidade para a instituição e também possibilita a apresentação de projetos que possam vir a servir de exemplo para outras Defensorias do Brasil”, pontuou Olenka.

A Defensora e coordenadora do Nucidh (Núcleo da Cidadania e Direitos Humanos), Cinthia Azevedo, integra, no dia 15 de novembro, a sessão interdisciplinar sobre “Direitos, políticas públicas e combate à violência – pessoas em situação de rua”.

“Na sessão interdisciplinar, vou fazer uma breve introdução sobre o tema proposto e conduzir o debate. Espero que essa interação com os colegas de outros Estados permita que possamos dividir nossas experiências com relação aos trabalhos que estão sendo desenvolvidos para atender as pessoas em situação de rua”, ressaltou Cinthia.

Ainda no dia 15 de novembro, o Defensor e coordenador do Nupep (Núcleo de Política Criminal e Execução Penal), André Giamberardino, compõem a sessão interdisciplinar “Direitos, políticas públicas e combate à violência – pessoas privadas de liberdade”.

Inscrições

As inscrições para o Conadep ainda estão abertas. Para mais informações, acesse: congressoanadep.org.br.

Lembrando que o evento também é aberto para estudantes de Direito, estagiários e servidores administrativos das Defensorias Públicas.